Era uma vez uma menina de 16 anos, que resolveu criar um blog para desabafar... E que agora, aos 21, continua a escrever. De teen a adulta; de Portugal à Holanda - A saga!

05
Fev 06

E se eu tivesse dinheiro suficiente para dar um lar a todos os sem-abrigo do mundo?

E se, de repente, desaparecesse a inveja?

E se o Homem deixasse de ser cruel para com os outros seres vivos?

E se as injustiças deixassem de acontecer?

E se não existisse um buraco na camada do ozono?

E se deixasse de haver violência doméstica?

E se a mentira deixasse de ter o seu lugar no dia-a-dia, dando o seu lugar à honestidade?

E se todos começassem a dar mais importância ao seu emprego, dando o seu melhor pelo mesmo?

E se cada religião começasse a respeitar as outras, independentemente das diferenças existentes entre elas?

E se, em vez de construirem estádios de futebol, aproveitassem esse dinheiro para as instituições de caridade, escolas e hospitais?

E se as pessoas do nosso governo começassem realmente a governar (digo, como deve ser)?

E se as pessoas começassem a importar-se mais com o aspecto interior, e menos com o aspecto exterior?

E se, ao ligar a televisão na Sic Notícias, víssemos crianças felizes por lhes terem oferecido brinquedos e oportunidades, em vez de muçulmanos revoltados?

E se, e se, e se... E se todos estes "E se" se realizassem? E se eu vos dissesse que todos "E se" podem realizar-se? E se vos dissesse que a realização de todos estes "E se" está nas nossas mãos? Faria alguma diferença? Ou fazer a diferença é algo a adicionar à minha lista de "E se"?...

 

(Aproveito para deixar os meus parabéns ao Cristiano Ronaldo, que hoje faz 21 aninhos! Sim sim, já sei, é de pita... Mas não resisto! Eheheh)

publicado por Nana às 20:26

comentários:
Olá! Era bom que não houvesse guerras, miséria, fome, violências... enfim que vivesse-mos num mundo quase perfeito, e digo quase, porque nada é perfeito... Beijo.
mcapote a 7 de Fevereiro de 2006 às 16:48

Passamos por uma fase muito tenebrosa. O mundo todo clama por alguma mudança. Em cada esquina você irá encontrar rostos cansados e alienados. É como se não conseguíssemos acordar de um pesadelo horrível, daqueles onde tentamos andar e algo nos agarra os pés, não permitindo nosso avanço; o peito sufocado, sem poder respirar; olhos submersos na penumbra fétida da nossa ignorância. A única coisa que desejamos nesse momento de pesadelo é acordar. E faremos isso, acredite.
Banido a 7 de Fevereiro de 2006 às 15:09

oi.
brigada pelo comentário no meu blog.
fico muito contente por não te esqueceres de mim.
hhmarazul a 7 de Fevereiro de 2006 às 11:48

Enquanto só os "pobres" pensam em mudar o mundo, e os ricos pensam na nova casa de férias que valhe milhões, tudo se irá manter na mesma... É o egoísmo, a febre do $! Isso nunca irá acontecer, podes tirar os "e se"...
crazy li a 6 de Fevereiro de 2006 às 13:10

Olá! e se houvesse melhores cond~ções para entrarmos na universidade também era bom :p bom e se todos nós pensassemso assim talves esses "e se" se realizassem mas como quem tem o poder para os realizar não pensa neles, é mais provavel continuarmos com os "e se.." :( até podemso reclamar e lutar para os realizar, alguns dos que disses-te nos conseguimos, mas outros por mais que nos tentemos não vamos conseguir, pq ha sp um supeior que não pensa nisso... bjinhos e boa semana
snow a 6 de Fevereiro de 2006 às 12:41

... e se fosses também respoder ao desafio? Ah pois, pensavas que só calhava aos outros não...
Fernando a 5 de Fevereiro de 2006 às 20:55

Fevereiro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
17
18

19
21
23
24
25

27
28


tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Se os virem... Avisem!
Eu, por acaso, gosto desta!
E quantos são? (desde 30.07.2008)
blogs SAPO