Era uma vez uma menina de 16 anos, que resolveu criar um blog para desabafar... E que agora, aos 21, continua a escrever. De teen a adulta; de Portugal à Holanda - A saga!

15
Dez 05

Nestes últimos dias tenho andado pensativa.

O meu problema é que, por ser sempre tão faladora, ao estar pensativa logo me incubem o sentimento de tristeza. Não é tristeza o que sinto, apenas vontade de pensar, e pensar, e pensar.

Reflectir sobre o que tem sido a minha vida nestes últimos anos. Reflectir acerca das mudanças que, constantes ou não, têm marcado a minha vida de uma maneira impressionante. No fundo, reflectir no tipo de pessoa que me estou a tornar e, conscientemente, decidir se gosto dessa pessoa ou não.

Porque o tempo corre. Foge mais depressa do que o que eu alguma vez imaginei e, dentro de alguns meses, vou ter que fazer, novamente, escolhas que possivelmente condicionarão para sempre a minha vida. E é nisso que tenho pensado.

Em como, em apenas uma ou duas escolhas, eu posso estar a decidir o meu futuro. E pergunto-me se terei maturidade suficiente para o fazer. Há tão pouco tempo atrás, o 5º ano era uma meta quase inatingível.

Hoje, com a biqueira do sapato já na faculdade, pergunto-me se terei sempre feito as escolhas certas. Talvez não. Não sei. E não me parece que o saberei tão cedo. É um turbilhão de decisões, certas ou erradas, que se tomam repentinamente, sempre com o intuito de acertar. Mas como se sabe que realmente se acertou? Como é que eu vou saber, daqui a poucos anos, que o curso que estou a tirar é o certo para mim, e não outro? Como vou saber se serei uma boa fisioterapeuta, sendo que ficarei para sempre com a dúvida se teria sido uma boa escritora, psicóloga, professora... Nunca o vou saber!

Tal como não sei se, em vez de ter entrado para o agrupamento de ciências, tivesse entrado para Humanidades, seria uma pessoa diferente da que sou hoje. Muito provavelmente sim, porque não conheceria as pessoas que conheço hoje e que têm muita responsabilidade sobre porções significativas da minha personalidade.

E se eu me tornasse numa pessoa diferente, seria uma pessoa melhor ou pior? De que tipo de música gostaria, o que faria nos tempos livres, como seria a minha relação com o mundo?

É este tipo de questões que têm inundado a minha cansada cabecinha ao longo destes dois longos dias pensativos...

 

Até que ponto um erro de hoje poderá condicionar o meu futuro?

 

jhgk.jpg

publicado por Nana às 15:48

comentários:
Olá! Tudo bem contigo?! tens andao meio desaparecida do teu blog, ou é impressão minha? :p Passei para te desejar um Feliz Natal!! bjinhos, já recebi as notas, tive 11 a matemática :p
snow a 23 de Dezembro de 2005 às 18:03

a verdade é que pode...infelizmente
mixtu a 19 de Dezembro de 2005 às 13:30

Olá miga! Primeiro sinto que te devo no minimo um pedido de desculpas por nao vir aki ha tanto tempo! Tal como tu referiste num dos textos, a escola tem-nos absorvido a todos ne..Mas realmente faz-me muito bem a alma e ao espírito vir aki, renovar a minha mente com os teus pensamentos que são sempre tão diferentes e, simultaneamente, tão semelhantes aquilo que me passa pela cabeça e que opto por nao escrever. Essa é realmente uma das razões pelas quais gosto de ca vir. Pra não comentar em todos os textos faço aki um comentario geral. Primeiro que tudo, axo k não te posso mais dizer que vais ser capaz, que não vai acontcer nada, que vams la tar pra te apoiar. Isto porque apesar de tudo isso ser verdade agora e sempre, tu propria ja construiste akilo k eu entendo ser o teu proprio e verdadeiro apoio. Akele texto que escrevest depois de terms saido nakele sabado ao xcentriko permitiu-me recordar a felicidade e a euforia k sentimos as 4 da manha kd chegams a casa. Foi relament euma vitoria e aí entendi k foste capaz de superar akilo k nunca pensast conseguir! E agora, alguns dias depois, ja te senti a menosprezares a vitoria k tivest.Não te censuro, eu propria e axo k toda a gente faz isso, depois de "eskecer" akilo k conseguiu e o esforço herculeano k fez para conseguir. Mas agora não o podes eskecer. Não agora e não nunca! E sempre k te vir a depreciares akilo d k ja sabems seres capaz, em vez de te dizer que vai tudo correr bem, k vams tar la pra te apoiar, k tu vais conseguir, vou-te pedir sim, k venhas ´até este site, tão pessoal e tão especial e k simplesmente leias o texto k xcreveste no dia a seguir de terms ido ao xcentriko! Axo k isso sim é o teu apoio, ou a prova escrita dakilo k foste capaz e k SABES agora k és capaz! E por isso, tenho k te dizer k a viagem não vai ser assim tao diferente dakilo k foi a noite de sabado. Vai ser mais prolongado mas eu acredito e tu ainda tens 3 longos meses pra acreditar k essa será mais uma prova k tu vais superar com todo o sucesso! E isto foi akilo k nao fui capaz de te dizer no outro dia, aki em casa.
Miga, gosto muito de ti, não te kero ver a desistir dakilo k eu tenho plena certeza k tu és capaz! E não te vou deixar vacilar depois de tantas vitórias. Não vou mesmo!
Muitos beijos
sushi a 17 de Dezembro de 2005 às 15:03

oh pariga nao perkas o teu tempo a pensar em komo seria as coisas!vive apenas o momento aproveitando o mtu bem,sem pensar no futuro mais proximo.kuando a decisao de k kurso dves escolher eu dou te um konselho:komeca a laborar ali pos lados da luiza todi a estacionar popos olha k é uma profixao cheia de futuro.lol.
pekenita a 16 de Dezembro de 2005 às 20:27

isso nunca vais saber.
Mas fazes bem nas coisas antes de as fazer, se ouver consequÊncias no futuro, não vão ser tão desastrosas, estas a entender?
Acho que , se deve ver bem os prós e os contras, antes de nos precipitar-mos, e também para não magoar ninguém
hhmarazul a 16 de Dezembro de 2005 às 17:09

Nanita: yo me sentía igual que tu cuando empece la universidad... y mirame ahora ya solo me falta medio año para graduarme y aun me sigo preguntando cosas acerca de mi futuro como profesionista, creeme que solo pon tu carrera en las manos de Dios... y lo que tu elijas sera bien por que eres una persona con talento, ten fé en tu misma y lograrás lo imposible!
Lucy a 16 de Dezembro de 2005 às 15:10

oulaaa! ahh atao a menina n anda triste e sim pensativa... agr n sei s fico descansada ou mais preocupada, é k tu a pensar.. prontus =P lool kidding!! bem realmente kem é k ja n pensou como a sua vida poderia ser diferente se tivexe feito determinada xcolha e n akela k resolveu fazer!?.. mas bem a vida é mm a axim e por isso é k tem tantos altos e baixos e ao fim e ao cabo é mm por isso k é boa, pk nunca sabemos o k vai acontecer ao certo por causa de determinada xcolha nossa... e realmente o tempo paxa mt depressa (apesar de nas aulas mais xatinhas nos keijarmos k paxa devagarinho =P) e por isso mm temos de aproveitar a vida! bem xpero ter escrito alguma coisa de jeito =P e ja agr tou mt xateada pk deste a conhecer a tda a gente k eu tive nega nei!? =P kidding bjoes gandes! =)
sandra (",)** a 16 de Dezembro de 2005 às 11:48

olha és tu e eu, sabes uma coisa nunca vais saer se terias ido uma boa professora ou psicologa sem teres pasado por isso, escolhes agora um curso, se gostares dele vais ser bem sucessida se não, tens duas op~pes ou te esforças e passas a gostar e ai seras um boa qq (depende do emprego k tenhas, eu não sei kul é :P) ou então não. sinceramente eu não axo que temos maturidade suficiente para aos 17/18 anos decidir por um curso, alias aos 17/18 ate temos alguma, mas aos 15/16 nenhuma e já tmeos k escolher o curso po 10ºano. Bom eu tou com 19, já tou a repetir o 12º e ainda não sei que curso seguir, enfim... bjinhos
snow a 15 de Dezembro de 2005 às 20:43

realment... podias ter sido uma pessoa diferent s tivesses feito outras escolhas, pk conhecerias outras pessoas, frequentarias outros meios, terias outras ideias, outras convicções... mas n axo k s possa perguntar s serias melhor ou pior... serias simplesmente.. outra... na minha opiniao, deves fikar MT content pelas xcolhas k fizes-t ate hj, pk elas fizeram d ti a pexoa tao xpecial k tu es!!! beijuh*
Ines a 15 de Dezembro de 2005 às 20:41

Nana esas mismas preguntas me les e exo muxas veces, el año pasado no tenia ni idea d q camino qeria seguir, pensaba: ojala pudiera volver en el tiempo y detenerlo xra siempre a la edad d los 9 años!!, una edad q xra mi fue trankila y sin preocupaciones... xro ahora aki stoy, studiando Derecho q era algo q jamas antes me abia planteado, siempre pensaba q acabaria studiando psicologia o empresariales... y no se si e scogido bien o no xro solo se q soy yo misma la q decide el camino q tiene q tomar mi vida, y q el futuro no puedo saberlo, puede q fracase o puede q me salgan bien las cosas, eso ahora no lo se xro amiga lo q t kiero acer ver s q en sta vida tienes q acer en tdo momento lo q dicte tu cabeza y corazon, lanzarte y preparart xra lo q venga, disfruta d cada momento q t da la vida con optimismo xq pase lo pase siempre seremos afortunadas xq tenemos la oportunidad d elegir y rectificar...q s algo q desgraciadmnt no todo el mundo tiene la posibilidad :( . Y ya ves, yo tmb e pasado x lo q stas pasando tu y solo t digo q x muxo q pienses cuando llegue el momento elegrias lo q kieras y t sentiras mas aliviada xDD
Norinha a 15 de Dezembro de 2005 às 19:58

Dezembro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
14
16
17

18
19
20
21
22
23

25
26
27
28
29
30
31


tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Se os virem... Avisem!
Eu, por acaso, gosto desta!
E quantos são? (desde 30.07.2008)
blogs SAPO