Era uma vez uma menina de 16 anos, que resolveu criar um blog para desabafar... E que agora, aos 21, continua a escrever. De teen a adulta; de Portugal à Holanda - A saga!

28
Mar 06
Se consegues manter a cabeça no lugar
Quando todos à tua volta a perdem e te culpam por isso;
Se consegues confiar em ti quando todos duvidam
E ainda perdoar que duvidem;
Se consegues esperar e não ficar cansado pela espera;
Ou ser caluniado sem caluniar os outros;
Ou ser odiado mas não abrir caminho ao ódio;
E ainda assim não pareces nem falas demasiadamente bem.

Se consegues sonhar sem deixar que os sonhos te dominem;
Se consegues pensar sem fazer do pensamento um objectivo;
Se consegues encontrar o Triunfo e o Desastre
E tratar esses dois impostores de igual forma;
Se aguentas ouvir a verdade que disseste
Transformada por velhacos em armadilhas para os ingénuos;
Ou observar as coisas pelas quais deste a vida, destruídas
E parar e construí-las de novo, com ferramentas velhas.

Se consegues fazer um monte com todos os teus ganhos
E arriscá-los todos num lance de cara-ou-coroa
E perder, e começar novamente
E nunca suspirar uma palavra sobre a tua perda;
Se consegues forçar o teu coração, nervo e tendão
A servir-te, ainda que já não sirvam
E a aguentar quando já nada existe em ti
A não ser a Vontade que lhes diz “Aguentem!”

Se consegues falar com multidões e manter a tua virtude;
Ou andar com reis sem perder a tua humildade;
Se nem inimigos nem amigos podem magoar-te;
Se todas as pessoas contam para ti, mas nenhuma em demasiado;
Se consegues preencher cada minuto
Com sessenta segundos que valem a pena,
Tua é a Terra e tudo o que esta contém
E – ainda mais – serás um Homem, meu filho!


Este é um poema que descobri há pouco tempo. O seu título original é “If” e quem o escreveu foi Rudyard Kipling. Traduzi-o para português porque quero que todos o entendam, e peço desculpa desde já se algo estiver mal traduzido. Espero que gostem deste poema tanto quanto eu... Que o entendam e que signifique para vocês tanto quanto significa para mim. Boa semana a todos.

(recebi hoje o teste de matemática do ministério, tive 5,5... JURO que não sei o que é que ando na escola a fazer... Se não tenho 19 a psicologia e a ITI e 18 a português, a minha média vai por água a baixo... Por vezes tenho uma vontade louca de mandar tudo para o ar... Deixar isto, ir trabalhar... Era menos tempo perdido... Mas não sei...)
publicado por Nana às 17:21

comentários:
Queres um lay personalizado'?
que estas a espera encomenda JÁ
Vai a trilokinhalays.blogs.sapo.pt
GRATIS
Isa a 31 de Março de 2006 às 18:55

Queres um lay personalizado'?
que estas a espera encomenda JÁ
Vai a trilokinhalays.blogs.sapo.pt
GRATIS
Isa a 31 de Março de 2006 às 18:55

ola miguinha*
poix e, eu ja conhecia esse poema a bastant tempo, axo lindo mm!!

quant a tua nota, bem, n desesperes!! a serio, nd ta perdido! eu tnho certezinha k vais cnseguir entrar pa faculdad k keres!
pk tu es capaz d tudo!!!!!!!!!

acredita em ti..

tah?


beijinhos
ines a 31 de Março de 2006 às 18:29

Olá. Tive cinquenta e oito, precisamente a media dos alunos á na minha escola! Não me sinto muito mal. Afinal estou mesmo no meio :)
Não desanimes! É isso que eles querem!que o pessoal desanime para não entrar na universidade. É o k eles kerem....tem calma! Eu tambem tenho que subir as minhas notas!lol...bj
Sofia a 30 de Março de 2006 às 21:12

Tem calma linda, este correu mal mas verás que os proximos correrão melhor, não desanimes!Jinho grande!
Gaybriel a 30 de Março de 2006 às 18:09

Olá! eu nesse teste tive 5.9 :( de facto é uam revolta enorme, aind apor cima pq esse teste conta como un teste normal, mas não podes desistir, há aind amts testes e aind ahá o exmae que serve para subir ou descer, só que é um pouco arriscado, mas a vida é assim feita de riscos, e costuma-se dizer que quem não arrisca não pestisca, por outro lado quem tudo quer tudo perde :p vá tem cama que ainda falta o 3º periodo ;) bjinhos alguma duvida conversa com a tua professora ;)
snow a 30 de Março de 2006 às 15:40

Nanita....a vida não é facil! Se fosse nem tinha graça. Logo, o desafio é transformar esse 5,5 em algo de positivo! E, como diz o sabio povo: "quem porfia sempre alcança!". Beijinhos.
falaparadentro a 30 de Março de 2006 às 11:04

Belo poema mas eu ainda estou longe de conseguir grande parte da filosofia de vida que ele transmite:(Quanto aos estudos,não desanimes,eu também desisti da faculdade e tive de voltar a fazer os exames nacionais uma segunda vez para ter média que me permitisse entrar no curso que realmente queria.Beijokas 1000
Diva a 29 de Março de 2006 às 10:10

Aw que belo poema!! é tao lindo! me puso a reflexionar sobre muchas cosas.

Nana! no te des por vencida! seguro que vas a ser una gran profesionista! y como decimos en México : echale ganas!! :)
Lucy a 29 de Março de 2006 às 02:32

Gostei do poema :) Quanto à tua nota final. Só te posso dizer que não desistas. Os contratempos estão ai para os ultrapassarmos... presta atenção ao poema que ai colocaste. beijinhosss
Pluma(princesavirtual) a 28 de Março de 2006 às 19:01

Março 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

13
14
15
16
17
18

20
21
22
24
25

26
27
29
30
31


tags

todas as tags

mais sobre mim
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO